Avançar para o conteúdo principal

Massagem com Ventosas - Tratamento Estético



A maior parte dos problemas estéticos surge devido a factores ambientais, culturais, genéticos, psicossociais e idade. Assim sendo, a massagem não deve ser utilizada como único recurso para um tratamento estético. O profissional deve estar preparado para orientar o paciente quanto a cuidados com a alimentação, a prática de actividades físicas, o consumo de água, entre outros.
 O uso das ventosas em estética é indicado nos tratamentos de gordura localizada, celulite e como tratamento de relaxamento. Associado com óleos essenciais que são usados na técnica da massagem, obtêm-se resultados muito visíveis!

A Massagem com Ventosas alia os benefícios da massagem modeladora com o uso da ventosa, que realiza uma sucção e melhora a nutrição dos tecidos. O ritmo da massagem, associado com os princípios activos dos cremes e o das ventosas, trabalha directamente sobre a gordura localizada e os nódulos de celulite. 
Além disso, a massagem com ventosas tonifica os músculos, recupera a elasticidade da pele, ajuda a diminuir as cicatrizes e estrias, logo melhora e reforça os contornos do corpo, diminui as rugas, etc.
Esta técnica trabalha a derme, a epiderme, as camadas do tecido adiposo (gordura), os músculos e os vasos sanguíneos e tem como resultado o aumento da circulação e da oxigenação celular, melhorando a nutrição e reduzindo a celulite no contorno corporal", explica.


Não é indicada a gestantes, pacientes com fibromialgia, problemas vasculares, renais, cancro, infecções e inflamações. E, ao contrário do que se imagina, não deve ser confundida com a drenagem linfática.

A massagem com ventosas é realizada com movimentos rápidos, activando a circulação sanguínea, mesmo sendo uma massagem mais vigorosa não deve causar hematomas.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Auriculoterapia na Pediatria

Auriculoterapia: Solução eficaz para o tratamento de bebés e crianças





A Auriculoterapia é um tratamento baseado no pavilhão auricular, onde possuímos pontos específicos que correspondem a todos os órgãos e funções do nosso corpo.
Para a Medicina Tradicional Chinesa, o equilíbrio do corpo humano acontece devido ao fluxo de energia (Qi), que deve estar equilibrado para que todas as actividades do organismo funcionem adequadamente, evitando-se desta forma o aparecimento de doenças.
Apesar de normalmente de estar associada ao tratamento anti-tabágico, não se restringe no entanto apenas a esse tipo de tratamento tendo uma abrangência muito maior desde problemas musculares a cefaleias.


No tratamento de bebés e crianças, a Auriculoterapia com sementes ou esferas é uma excelente ferramenta porque é uma técnica não invasiva e tem uma rápida resposta ao estímulo. 
Outro factor importante é que não apresenta contra-indicações, podendo ser realizada juntamente com a terapia convencional, ajudando a mi…

Medicina Chinesa na Gravidez e no Parto

Nos dias de hoje, o acompanhamento da mulher grávida envolve uma vasta equipa de profissionais de Saúde, onde o acupuntor pode perfeitamente ser integrado e desempenhar um papel de grande relevância para a qualidade de vida da futura mãe, permitindo-lhe desfrutar de uma das etapas mais importantes na vida da mulher: a maternidade. Numerosas são as situações clínicas onde a Acupuntura tem grande eficácia terapêutica, com a segurança e a garantia de não ter qualquer toxicidade ou efeito na gestação do feto. A especificidade da gravidez, com todas as limitações na utilização da farmacologia, permite à Medicina Chinesa mais uma vez demonstrar a sua importância na prática clínica moderna. Utilizando técnicas seguras e de grande eficácia terapêutica, nomeadamente a Acupuntura, a Medicina Chinesa conquistou o seu lugar na equipa multidisciplinar que acompanha a mulher grávida, permitindo-lhe aumentar o seu bem-estar físico e emocional. A Acupuntura Chinesa é benéfica para as mulheres em todas as…

Mesoterapia Homeopática

A Mesoterapia trata-se de uma técnica médica posta em prática pelo Dr. Michel Pistor, médico francês em 1952 e que consiste em injectar medicamentos em doses muito baixas, entre a epiderme e a derme, o mais perto possível do local a tratar, com o mínimo de efeitos indesejáveis, sem envolver outras áreas do organismo.


Existe mesoterapia e mesoterapia homeopática, a diferença está no tipo de medicamentos utilizados, na mesoterapia "tradicional" utiliza-se medicamentos sintéticos ou extractos de plantas, na mesoterapia homeopática utiliza-se apenas medicamentos homeopáticos (naturais).
Trata-se de um tratamento largamente usado em estética que tem por intuito estimular a produção de fibras de colagéneo e de elastina, existentes normalmente no tecido 
subcutâneo da derme, e com isso aumentar a textura deste tecido, diminuir a flacidez, que perturba tanto as pessoas e reduzir a acumulação de gordura localizada.
A aplicação é feita na derme, camada média (meso) da pele, aqui o medicam…